top of page

REPRESENTATIVIDADE NÃO SE CONSTRÓI SEM RESPONSABILIDADE.

TEXTO: Dayana Molina, criativa indígena, ativista e estilista da NALIMO.

Esse artigo não pode ser reproduzido sem citação da autora. PESSOAS NÃO SÃO PRODUTOS. Ontem escrevi um post novo na minha rede social. "O ativismo aponta uma necessidade, o capitalismo surfa na oportunidade." Concebo essa frase, baseada na reflexão sobre a importância de uma representatividade responsável.


É chegado um tempo em que um bom marketing não se sustentará sem verdade. E isso diz muito sobre a atualidade. Estamos esgotados de falsas atitudes. Queremos e desejamos um futuro em que respeitem diversidade, raça, etnia, gênero e cultura. Representatividade não se constrói sem responsabilidade.


O mercado de moda sistemicamente embranquecido, reproduz seus delírios e privilégios. Tornando assim, seus espaços de "inclusão" uma verdadeira piada. Ridicularizam nossas existências quando de forma equivocada, "criam" uma representatividade genérica sobre o que é ser representativo. Costumo dizer que falta letramento, entendimento e compreensão sobre.


Trabalhar na indústria da moda é incrivelmente especial. Mas igualmente como amo, também crítico. E sigo criticando na esperança de construímos cenários melhores do que esse que vemos atualmente. Avançamos em muitas discussões. E precisamos prosseguir. É urgente ser real, fazer com verdade, mudar na essência. Só assim conseguiremos desfazer muros e construir pontes. Por isso sigo questionando todos os espaços, atitudes e empresas que invalidam lutas importantes como a pauta pela representatividade na moda, na arte, na música, na política, na vida... merecemos um lugar bonito e honroso onde possamos todos nos enxergar.


Meu recado à indústria é que é possível mudar e vocês precisam aprender. Deixem de ignorar a falta de entendimento. Assumam que não sabem. Não fabriquem "modelos" de negócios oportunistas, criem propósito genuíno. Se gasta muito menos para mudar o mundo de dentro pra fora. Enquanto a maquiagem for bonita, o produto final pode parecer muito bom, mas nunca excelente e natural. Mudanças reais interessam mais.


Estou aqui fazendo a minha parte, criando, inspirando e colaborando para que o mundo seja melhor do que é. Acredito profundamente que podemos todos avançar juntos. Basta existir sinceridade na forma como podemos nos aliar e fortalecer pautas necessárias e urgentes como essa.


Um beijo e até o próximo texto, Day Molina.

Me siga no instagram e acompanhe também por lá @molina.ela


CRÉDITOS IMAGEM: Coletivo Indígenas Moda BR

Modelo Zaya Fotografia Gustavo Paixão Beleza Luisa Kwarahy Styling Day Molina Look NALIMO






Comments


Post: Blog2_Post
bottom of page